8 Dicas para economizar tempo e dinheiro com a comida das crianças

06 de novembro | 2018

Cuidar da alimentação de crianças não precisa ser caro e nem demorado. Com essas dicas, é possível economizar tempo e dinheiro 

Quando me tornei mãe, recebi vários conselhos, dicas, pitacos… Muitas vezes até mais do que gostaria. Mas um segredo fora muito bem guardado por todos a sete-chaves e ninguém me avisou: que cozinhar para nossos pequenos é uma tarefa difícil e que pode custar caro!

O que ninguém nos contou também é que dá para economizar tempo e dinheiro nesse processo. Assim como você organiza a sua vida financeira, dá para também planejar as refeições dos pequenos. Como? Separei 8 dicas práticas que podem te ajudar nesta tarefa!

1. Compare os preços

Ao comprar papinha pronta, você está comprando conveniência, e também pagando por isso. Por isso, evite! Um pote de papinha de banana com aveia (120 grs.) pode ser encontrado nos supermercados a uma média de R$4,00. Pelo preço de 2 potinhos, ou seja, com R$8,00 eu posso comprar 1kg de banana e 500grs. de aveia. Daria tranquilamente para fazer 10 potinhos de papinha e ainda sobrar bastante aveia para o mingau!

2. Compre a granel

Existem várias lojas de produtos saudáveis e sites que vendem grãos a granel. Eu geralmente uso sites para economizar tempo e faço compras maiores para economizar no frete. Compro uma grande variedade de leguminosas (feijão branco, azuki, fradinho, etc), cereais (cevadinha, aveia) e diversos tipos de arroz. A compra a granel é mais barata e os grãos têm boa durabilidade, se estocados adequadamente.

3. Faça do feirante o seu melhor amigo

Comece a frequentar a feira mais próxima e tente se fidelizar a algumas barracas-chaves. Quanto maior a frequência nessas mesmas barracas, mais vantagens você pode ter: primeiro a noção do preço das frutas e verduras, o que te dará um bom parâmetro para pechinchas. Você também pode verificar a oportunidade de entrega dos produtos na sua casa, caso ela for bem próxima a feira, o que economiza tempo! A dica clássica de ir na hora da xepa, ou seja, perto do fechamento da feira, sempre é válida, para pegar boas ofertas.

4. Higienização

Realmente não tem como pular a etapa da higienização dos alimentos. Tente economizar água no processo, utilizando bacias. Ao utilizar a água corrente, não precisa abrir toda a torneira, um fio de água já é suficiente para lavar os alimentos.

5. Reflita sobre a compra de um processador de alimentos

Eu tenho um em casa e agiliza muito o processo de picar, ralar e fatiar. Sim, alguns nutrientes se perdem no caminho, mas com 3 bocas para alimentar, acabei optando pela praticidade e economia de tempo!

Não precisa comprar o top de linha. Veja se tem alguém querendo desapegar e negocie um preço bacana.

6. Estratégia semanal

Para quem trabalha durante a semana, dedique um tempo no final de semana exclusivamente para cozinhar. Planeje-se com um cardápio semanal e cozinhe os alimentos para a semana. Alguns itens precisam ser servidos frescos, mas tente deixá-los previamente higienizados. Por exemplo: lavar a alface e secá-la com um pano limpo, guardando em um pote com um papel toalha pode fazer com que ela dure vários dias na geladeira.

7. Estratégia diária

Faça porções maiores para as refeições diárias e congele o excedente em potes de vidro já nas porções desejadas. Lembre-se de que nem todos os alimentos congelam bem, então planeje as porções excedentes para itens como carnes, leguminosas e outros alimentos que não perdem tanto o sabor ao descongelar. Assim, quando houver emergências ou um dia mais pesado de limpeza da casa, boa parte da refeição estará pronta.

8. Acerte na hora de escolher a louça

Como seria bom ter panelas e pratos auto-limpantes, não é verdade? Enquanto não inventam nada do tipo, busque panelas de teflon ou cerâmica. O alimento gruda mais nas louças de cerâmica, mas ainda são melhores que a de metal e tem a vantagem de serem atóxicas.
Minha outra dica é recrutar a família para ajudar na tarefa de lavar a louça, mas como minha tropinha ainda está pequena, ainda preciso testar a dica…

Você também pode gostar

5 Lições sobre dinheiro para ensinar aos filhos

5 Dicas para economizar em viagens internacionais

5 Dicas para chegar ao primeiro milhão ganhando pouco (Parte 1)

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a deixar seu comentário