O QUE FAZER COM O FGTS LIBERADO? Não saque antes de ler!


Fico imaginando a emoção de quem vai poder botar as mãos no FGTS adormecido  agora que o Governo vai liberar o saldo das contas inativas até 2015 para saque. O que? Você não sabia que vai rolar um indulto para o FGTS? Sim! Ele vai ser solto! Conheço gente que comemorou como se tivesse ganhado na Loteria…

Mas pera lá… Será que essa é uma boa notícia mesmo?
Será que a grana do FGTS é uma salvadora da pátria?
Será que não tem pegadinha ai?

Veja o vídeo completo

(Por que será que a gente sempre acha que tem uma sacanagem escondida no meio de uma boa notícia?)

Este post é justamente pra tirar essas dúvidas e te ajudar a escolher o melhor destino para essa grana. Leia com atenção e se achar que te ajudou, compartilhe com outras pessoas! Na dúvida, compartilha mesmo não gostando e faça a boa ação do dia…

Por Nathalia Arcuri
Fundadora do Me Poupe! primeiro canal de entretenimento financeiro do Brasil
Siga as dicas no insta  @nataliaarcuri


O QUE FAZER COM O FGTS LIBERADO?

Antes de mais nada é importante deixar BEM CLARO:

Enfurnado lá na Caixa, seu FGTS não está valendo nada.

A rentabilidade do Fundo de Garantia no ano passado (2016) ficou bem perto de 5%, ou seja, abaixo da poupança, que perdeu para a Inflação e levou uma surra do Tesouro Direto.

SAIBA MAIS SOBRE TESOURO DIRETO AQUI

Sendo assim:

• Rentabilidade do FGTS = FURADA
• RENTABILIDADE DA POUPANÇA = MICO

Preconceito com os micos

Só pra concluir essa parte numérica:

QUEM VAI PODER SACAR O FGTS?

Todos os trabalhadores que pediram demissão até dezembro de 2015, mesmo aqueles que foram recontratados por outras empresas depois disso.

Pra saber se você tem alguma grana perdida lá no FGTS acesse o Site da Caixa AQUI.

QUANDO O DINHEIRO PODERÁ SER SACADO, Ó MUSA DAS FINANÇAS?

Com tamanha gentileza, como não responder?

O Governo ainda não bateu o martelo, mas  já deu indícios de que provavelmente a partir de março de 2017, de acordo com a data de aniversário do trabalhador.

ALGUNS BANCOS ESTÃO ANTECIPANDO A GRANA DO FGTS… VALE À PENA?

Depende. Eu esperaria até o Governo anunciar quando e como o dinheiro será liberado. Alguns bancos estão oferecendo a antecipação do saldo do FGTS mediante pagamento de juros que variam entre 3% e 5% ao mês. Vale a pena pagar juros apenas se você estiver com a corda amarrada no pescoço e cheia (ou cheio) de dívidas caras, como a do rotativo do cartão de crédito que cobra algo próximo de 15% ao mês.

Agora sim, vamos à pergunta fatídica do título deste post:

AFINAL O QUE FAZER COM O FGTS LIBERADO?

Pra ficar mais fácil vou separar aqui os três principais perfis de “sacadores” do FGTS. É provável que você se enquadre em um deles!

PERFIL 1 – INADIMPLENTE

Deve, não nega. Só não sabe quando e como pagar.

Se você faz parte deste time, o FGTS pode cair como uma luva pra renegociar a dívida e pagá-la a vista economizando muito dinheiro com o pagamento de juros. Com dinheiro na mão as empresas se empolgam muito mais em fazer acordos vantajosos pra quem paga e pra quem recebe.

PERFIL 2 – SEM RESERVA

Não, não é da reserva no restaurante que eu estou falando! É da reserva de emergência!

Se você não está inadimplente mas não tem uma reservinha pra uma emergência (como um carro batido, a perda do emprego, uma emergência médica que exige muitos remédios), as suas chances de se endividar são altas. A grana do Fundo de Garantia pode ser o ponta pé inicial que faltava pra você começar essa reserva.

Onde deixar o dinheiro da reserva de emergência pra que ele renda mais: qualquer investimento que te possibilite tirar o dinheiro rapidamente, como Tesouro Selic ou CDBs de liquidez diária (que permitem resgate a qualquer momento).

VEJA ESTE POST E SAIBA TUDO SOBRE RESERVA DE EMERGÊNCIA.

PERFIL 3 – COM RESERVA, PAGANDO FINANCIAMENTO.

Você provavelmente está com uma dúvida terrível:

“invisto o dinheiro ou amortizo os juros antecipando parcelas? OH MEU DEUS?”

Calma, não precisa de desesperar.
A resposta é…

DEPENDE.

“sério? A mina faz o blog de finanças e me responde depende?”

SIM.

Depende.

depende
Representação ideal da minha cara de “depende”.

Depende de dois fatores principais:

1 – A TAXA DE JUROS + TAXAS EXTRAS que você paga no seu financiamento ano a ano
2 – A RENTABILIDADE QUE VOCÊ CONSEGUIRIA INVESTINDO ESSE DINHEIRO NUMA TACADA SÓ.

Exemplo:

Josefina paga juros e taxas no financiamento que somados chegam a 11% ao ano.

Ela pesquisou e viu que graças ao montante elevado que possui no FGTS terá acesso a um investimento que lhe dará um retorno aproximado de 12,5 ao ano. Logo, se Josefina investir o dinheiro vai ter um ganho de 1,5 em relação à amortização da dívida.

Se você está em outro momento de vida, já tem casa própria, reserva de emergência e só quer realizar mais sonhos, esse dinheiro vai acelerar seus objetivos.

Seja lá qual for o seu momento de vida, uma coisa é certa:

Faça o FGTS trabalhar por você!

Você já trabalhou muito pra que ele fique lá preso por mais tempo sem fazer nada.

Aproveite seu FGTS e seja feliz.


Recado importante da Nath:

easynvestEste artigo foi produzido com o apoio da Easynvest , a corretora de valores que, assim como o Me Poupe!, acredita no valor da educação financeira. Se você quer investir, mas não sabe como nem onde fazer isso, acesse www.easynvest.com.br e comece agora a cuidar melhor do seu dinheiro.

Deixe seu email pra receber as atualizações gratuitas e saber cada dia mais sobre economizar, investir e enriquecer!

Me Poupe! no seu email

Cadastre-se, é na faixa!

Nathalia Arcuri

Sou a Nathalia Arcuri, poupadora por opção, jornalista por profissão e especialista em finanças pessoais por vocação.

2 comentários em “O QUE FAZER COM O FGTS LIBERADO? Não saque antes de ler!

  • 2 de fevereiro de 2017 a 6:43 pm
    Permalink

    nath voce e demais uma inspiraçao

    Responder
  • 22 de fevereiro de 2017 a 11:25 am
    Permalink

    Certíssimo, primeiro eliminar as dívidas e depois criar uma reserva de emergência para não ficar mais endividado.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *