Tempo é dinheiro! Aprenda a organizar a papelada e economize uma grana!


Você é daquelas pessoas que vive perdendo vencimento de conta por que não faz a mínima ideia de onde colocou o raio da fatura?

Esse post é dedicado àqueles bagunceiros de marca maior quando o assunto é a papelada doméstica. Marca aquele amigo que tem aquela gaveta buraco negro onde entra de tudo e não se acha nada!

Por Elle Braude  – Especialista em finanças e mãe de trigêmeos

Hoje o post tem um pequeno sabor de infância. Convido vocês a fazer uma gincana! Eba! Mas como já somos grandinhos e saímos da época do boletim e passamos para a era do boletão, essa gincana é um pouco diferente: se você fosse cronometrar o tempo que levaria para achar todos os seus documentos mais críticos e a suas faturas em papel mais recentes, quanto tempo você gastaria para achá-los? Deu sono só de pensar no tempo que iria levar?

paper clutter
Pois é, caso demore mais que dez minutos, talvez seja uma boa hora de parar e organizar toda essa bagunça! Ainda mais para futuros papais e mamães com mais papéis…ops…filhos para chegar!

“Tá, mas o que isso tem a ver com a minha grana?”

Papelada organizada não só ajuda a economizar tempo, mas pode te auxiliar a não perder os vencimentos das contas, saber quando é hora de renovar o seguro e não levar puxão de orelha do pediatra por ter esquecido de pagar a consulta.

“Como assim você esqueceu de pagar a minha médica?”

Regrinhas básicas

1. Documentos, notas fiscais de itens de valor alto e faturas precisam ter um lugar certo na sua casa.

Escolha um cantinho especial da casa que comporte um arquivo suspenso, fichário, uma caixa, o que preferir. Escolha a forma de arquivamento que melhor te agrade e dê um lar para todos esses sem-teto. Eu particularmente gosto bastante do arquivo suspenso, dedicando uma pasta para cada item.

foto arquivo suspenso

2. Separe os papéis em categorias:

a. Documentos individuais:

i. Destine uma pasta/seção para cada indivíduo da casa para guardar Certidão de Nascimento, RG, CPF, título de eleitor, reservista, passaporte, contrato de trabalho, e todos os outros documentos aplicáveis ao indivíduo. Aliás, é muito mais seguro arquivar seus documentos do que andar com eles na carteira não é mesmo? Ande só com os documentos básicos na carteira (CNH ou RG e cartão do plano de saúde, se houver). Isso já economiza muitas taxas e dores de cabeça em caso de perda ou roubo.

passport-document-1618415

b. Moradia

Destine uma pasta/seção para escritura da casa ou contrato de aluguel, contrato de financiamento, seguro residencial, boleto de condomínio.

c. Automóvel

walton_4
Destine uma pasta/seção para o CRV (Certificado de Registro do Veículo), apólice de seguro do carro, chave reserva, manual do carro (se não quiser deixá-lo no carro). Lembrando que a CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo) é documento de porte obrigatório e precisa ou estar no carro ou junto ao motorista do veículo.

d. Arquivos “trabalhistas”

Caso tenha uma pessoa que preste serviços domésticos em sua casa, destine uma seção para guardar os recibos de pagamento e quando aplicável, o contrato de trabalho, recibos e guias de pagamento do e-Social.

e. Produtos de alto valor (ex: linha branca)

Guarde os manuais e notas fiscais dos produtos caros e de alta durabilidade que estão em sua casa, tais como geladeira, máquina de lavar roupa, fogão, celular, pc ou laptop, etc. Especialmente se você contratou a garantia estendida. No caso de falha de algum eletroeletrônico você tem como verificar de bate pronto se está na garantia e conseguir utilizá-la.

f. Contas, faturas e boletos

Caso não tenha optado por faturas digitais, para a contas que chegam mensalmente em papel, tais como água, luz, gás, plano de saúde, destine uma seção específica para cada uma delas

Parabéns! Se você conseguiu ler até aqui você já tem o conhecimento básico de como arquivar todos os seus documentos e destinar um lar para eles! Não espere chegar até o ano-novo para dar uma casinha para todos esses sem-teto que habitam os cantos de sua casa, se multiplicando igual bebês trigêmeos!
tropinha no sofá


C’est tout! Até a próxima!

_DSC7892Sou a Elle Braude, planejadora financeira certificada CFP ® , formada em Finanças pela New York University, pós graduada em Banking pela Fundação Dom Cabral. Sou mãe de trigêmeos com especialização em aproveitar mais o tempo com a minha tropinha gastando menos.

Me Poupe! no seu email

Cadastre-se, é na faixa!

Nathalia Arcuri

Sou a Nathalia Arcuri, poupadora por opção, jornalista por profissão e especialista em finanças pessoais por vocação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *